quinta-feira, 17 de maio de 2007

Como é que



a gaita tem a ver com as cuecas.




Cada vez que havia pasteis, era um sarrabulho lá em casa.
Ele: - A Mãe não os fazia assim.
Ela, revirava os olhos para o tecto, sacava de um "a la pate", mastigava-o lentamente de boca escancarada. Só.
Até que um dia:
- A Mãe não os fazia assim.
Não revirou os olhos, não sacou do pastel. Levantou-se, sacou da carteira, lançou-lhe um sorriso doce com os olhos, semicerrou os dentes e por entre eles:
-Tchau.
Antes de fechar a porta devagarinho, ainda o brindou:
-Pasteis há muitos, ò palerma.
como se de um meme se tratasse,
mas não, esse vem depois ;)

7 comentários:

jj disse...

Há muitos, sem dúvida! :P

Jinhos.

psique disse...

palermas ou pasteis ª??? ;)

Erecteu disse...

jj.
Oh s'há :)

-----
Psique
Both

maria_arvore disse...

Oh Erecteu,
é a tua vingança para as minhas bochechas?;)))

É que a tua história é mesmo um "meme": nenhuma gaja aceita ser inferior à mãe de qualquer pastel e com tanta fartura de comida nenhuma gaja morre de fome. ;))))

maria_arvore disse...

E antes que me esqueça, a música é de uma suprema ironia e a prova de que o Tony é mesmo pimba. ;))

Erecteu disse...

Baum-marie,
:) e mais :)
Bjs

São Rosas disse...

O pastel de bacalhau que a Maria Árvore apresentou é mais um cabide que um pastel...