segunda-feira, 10 de setembro de 2007

36 linhas - III

-Com o que temos.
-E como podermos
-Assim faremos
-Diga lá
-É para já
-Nesta moita?
-Se for afoita…
-Não me conhece
-Bem me parece.
-Vamos então
Foram,
avingaram
e atornaram

-Estou melhori
-Mereciam piori
-Naqueli pinhal
-Tal e qual
Foram,
e atornaram
-E s’ele foi por traz?
-É, é bem capaz!
-Ai a safardana...
–Avinguemos à canzana.
-Naquele cabeço?
-Para começo
Foram
-É para saberem
-E p’aprenderem…
-Nã seja assim.
-Pois cá pra mim…
-Ganda castigo
-Bem merecido
-Nã podia ser maiori
-O mê home bem merecia
-Mas sabi, comadri…
-Sê… Acabousse-lhe o rancori.
Conclusão: Vai-se a tesão, vem-se o perdão.


2 comentários:

maria_arvore disse...

Erecteu,
é um resultado líquido. ;)

Maria disse...

És um homem sábio ^-^