sábado, 8 de março de 2008

Os feios porcos e maus

Cada vez que se metem professores pelo meio… andamos às turras, e eu gosto tanto dela e ela de mim!

Dão muita jêto, não porque me permitam brilhar mas… vejamos:
Dos 100000 aquilo era tudo bom os que não eram ficaram em casa. Dava muita jêto, não dava?
Quantos calaceirões não andaram avenida abaixo com o ESTÁ NA HORA, ESTÁ NA HORA na boca? E desses quantos não terão sido reconhecidos ali mesmo na rua, ou nas fotos que dispararam por aí? Tou mesmo a ouvir: -Olha, olha aquele malandro que passava a vida de atestado só porque a mana é médica no Santa Maria. Cambada de malandros vão mas é pá estiva. Fosse eu ministro da educação e esses apontados a dedo não iam pá rua, pelo menos, enquanto a avaliação não estivesse toda encaixada nalgas acima, óbvio não é?E de quem é a culpa? Sem cinismo; dos prof’s. E porquê?

  • Porque têm a mania de dizer que dão aulas, armados em beneméritos, quando as vendem (e caras na opinião de muita gente), é verdade que o custo hora é “ligeiramente” mais baixo do que o de um mecânico, mas justifica-se pois um suja as mãos de óleo e os prof´s, bah! Pó de giz e já se queixam de alergias;
  • Porque se gabavam, os mentirosos, de trabalhar 22 horas por semana escamoteando as reuniões, preparação de aulas, correcção de testes, planificações, preparação de actividades extracurriculares e abstenho-me do etc. porque ficava mal visto;
  • Porque passam a vida vangloriando-se –Hoje não dei aulas, fui a uma visita de estudo; Note-se que se fartou de gozar: andou quase à galheta com os pintas que queriam palmar um telélé ao Rui, mamou Cheese Burger porque os putos acham que no Mc é qu'é fixe, foi à farmácia comprar "Alkaselsa" porque houve qualquer coisa que lhe caiu mal no "estomágo" e ainda poude apreciar o Jerónimos mais um tempito porque a Rute foi ali.
  • Porque aquilo é um forró, dia da arvore, do pai e da mãe, quando não andam atrás de putos bexigosos e de aparelho nos dentes a organizar o baile dos finalista, o pedypaper ou o rugby na lama.
  • Porque aquilo é uma calhandrisse pegada entrando na vida das famílias a querer saber porque é que a gorda se ameaça matar, o matulão deu na passa e o preto agora até já na preta bateu.
  • Porque ostentam computadores portáteis, abrilhantam gandas máquinas a gasoil fazendo 80 Kms pa ir trabalhar, por vezes por horários incompletos, só de ricos!
  • Porque refilam se a minha tia lhes entra casa alugada adentro quando quer ir estender roupa ao sótão;


Porque, porque e porque.


Pois é estavam mal habituados:
Era a treta da soberania e autoridade na aula. Agora? Chapadão nas ventas e por muitos que putos e familiares em primeiro, segundo e terceiro grau lhes afinfem, ainda fica muita palmatoada e canada por ajustar, afinal aquelas que todos nós carregamos nos genes, desde a cartilha maternal, e é para não ir mais longe.
Coitadinhos! Trabalham uma horita, vá lá, hora e "meiíta" e descansam cinco minutos ás vezes dez até.
Tadinhos! Aquilo é tudo gente frágil, se têm mais de vinte alunos na aula… -Ai Jesus, aqui del-Rei, já não aguento mais da cabeça.


Olhem, sabem que mais? Porque, no caso do meu primo, é parvo (estúpido, não tem nada a ver com o latino parvus, parva, parvum=pequeno) parvo mesmo porque se podia ter reformado aos 57 e com a mania de que estava bom para as curvas, não contou quatro anos que trabalhou no ultramar.


BEM FEITO
VAI GOZAR, GOZAR, GOZAR A BOA VIDA DE PROFSSOR ATÉ 2012

6 comentários:

Hipatia disse...

Agora aqui que ninguém nos lê: e esses todos que não valem um chavelho e que sabes que existem, como eu sei que existem? E já viste que em 2012 vai-se com a reforma completa, por progressão directa, no topo da carreira? Onde mais chegam tantos ao topo da carreira, mesmo os tais que não valem um chavelho, desde que continuem a andar - e a contaminar - tudo e todos que os rodeiam?

Turrices minhas, só pode :)

Erecteu disse...

Ora aqui que ningu´em nos lê :) enganaste.
O primo vai-se como está hoje, exactamente. Foi congelado. A Marilu fez-lhe um esquema em que o pôs a bulir como prof senior ganhando até ao fim da carreia EXACTAMENTE o que ganhava há quatro anos. E esta, hei?

maria_arvore disse...

Ai Erecteu,
gabo-te o humor para dares a volta ao texto. ;)

É que no contexto actual, só penso que a melhor decisão que tomei na minha vida foi há 22 anos atrás não ir dar aulas. ;) Pelo menos, não sou humilhada. ;)

Erecteu disse...

A bomba H é a arma que resta aos "ofondidos" e mal pagos. Se não se lhes posso dar porrado mija-se-lhes na bota, né?

Elipse disse...

Descobri que voltaste. andei também indignada e por isso arredada.
Mas falas bem, gosto de te ouvir, nesse teu cantarolar alentejano. Claro que és comuna, como os outros 99.999 que lá estavam.
Ah, se cada um não falasse daquilo que não sabe! Eu por mim não me meto a julgar juízes, médicos ou funcionários da recolha do lixo. Dá para me perceberes?

Mas deixa lá... que seja pelos nossos miúdos. Eles hão-de reconhecer-nos algum valor, mesmo que os outros nos chamem calaceiros!

Erecteu disse...

Elipse,
Obrigado, só. Marejas-me